Skip to content

Os cães choram? Descubra agora mesmo!

cães choram

Os cães choram? Essa é uma pergunta que com certeza você já fez e possivelmente não encontrou a resposta.

Algumas pessoas presumem que eles choram quando seus olhos estão cheios de água. Mas, nem sempre é assim.

Embora os cachorros demonstrem emoções como chateação e irritação, eles não choram exatamente como uma pessoa.

Para saber mais sobre o assunto e responder a pergunta do início do texto, pesquisamos e descobrimos muitas coisas interessantes. Confira a seguir!

Cães choram lágrimas como as pessoas?

De acordo com o Manual Veterinário da Merck, os cães não choram como as pessoas. 

Isso ocorre porque, diferentemente dos humanos, os canais lacrimais de um cachorro são projetados para o nariz e a garganta, e não para os olhos. 

O sistema físico de um cão não está configurado para associar a produção de lágrimas com a sensação de dor ou tristeza. 

Se você encontrar um cão com um transbordamento de lágrimas, isso é sinal de um problema ocular ou de uma alergia.

Cães fazem sons em vez de chorar

Em um artigo publicado na Vetstreet, a Dra. Patty Khuly, da VMD, diz que os cães não choram como as pessoas choram, mas se expressam vocalmente.

Quando eles querem alguma coisa, sentem-se ansiosos ou querem atenção, normalmente produzem sons de “choramingos” ou gemidos.

Esse comportamento é o que temos de mais próximo com o ato humano de chorar.

A Dra. Patty também observa que o cachorro pode exprimir os menos sons ao sentir dor.

Entretanto, isso ocorre com mais frequência quando se trata de dor súbita. Quando ele tem dores crônicas, é mais comum que ele sofra em silêncio.

Os cães expressam aflição vocal

De acordo com cientistas da Universidade da Califórnia, em Santa Barbara, os cachorros dependem mais da audição do que da visão.

Por essa razão, faz sentido que eles vocalizem a angústia em vez de chorar. 

Até o momento, não há evidências científicas de que os cães “derramem” lágrimas emocionais como as pessoas quando se sentem tristes ou chateadas.

A verdade é que os cachorros podem fazer uma variedade de diferentes de sons e choramingos que podem representar choro.

Cães podem sentir emoções?

Os cães costumam mostrar uma linguagem corporal que se aproxima do que seria chamado de “tristeza” entre as pessoas. 

Embora não expressem emoções complexas como tristeza, eles podem sim sentir ansiedade e depressão.

Além disso, eles também podem sentir o que pode ser descrito como “amor”. 

A cognição e as emoções caninas tornaram-se um assunto sério de pesquisa nos últimos anos e um desses pesquisadores é o Dr. Gregory Burns. 

Nos seus estudos, o Dr.Gregory utiliza scanners de ressonância magnética para observar os cérebros dos cães enquanto eles experimentam sentimentos. 

Cães podem sentir o que pode ser descrito como “amor”.Imagem: iStockPhoto

Com esses estudos, descobriram que as áreas do cérebro de um cão relacionadas ao prazer, semelhantes às de um humano, seriam ativadas, dentre outras coisas, com o cheiro de seu dono. 

Segundo a pesquisadora Attila Andics do Family Dog Project na Hungria, os cachorros são as únicas espécies que ativamente fazem contato visual com as pessoas. 

Eles também buscarão instintivamente sua família humana quando estiverem assustados ou chateados, assim como uma criança humana procuraria seus pais.

Por que os cães choram quando o vêem?

Uma visão comum no YouTube são vídeos que mostram cães exuberantes e chorando cumprimentando proprietários que estão ausentes há algum tempo.

Nesses casos, o cão está chorando porque está muito excitado e quer solicitar toda a atenção do dono. 

Como eles não têm a capacidade de falar, a vocalização é uma das principais formas de expressar entusiasmo. 

Um fato interessante é que eles vão se comportar desse mesmo após algumas horas de ausência.

O cão está lacrimejando, o que está acontecendo?

Caso perceba que o seu cachorro está com os olhos lacrimejantes (ou um deles), pode ser que ele estejacom um ou ambos os canais lacrimais bloqueador.

No entanto, raças de cães com olhos grandes, como Shih Tzus, Pugs e Pequinês, podem naturalmente lacrimejar mais por causa de suas estruturas únicas na cabeça. 

Consequentemente, é importante prestar atenção nos olhos e detectar problemas o mais rápido possível.

Causas comuns do lacrimejamento canino

A VCA Hospitals recomenda agendar um exame veterinário para diagnosticar a causa de qualquer lacrimejamento excessivo e receber o tratamento correto. 

Algumas das causas mais comuns incluem:

  • Conjuntivite: infecção do tecido que reveste o olho e causa irritação, coceira, lacrimejamento e secreção.
  • Abrasões e úlceras na córnea: a infecção ou trauma danifica a córnea e causa lacrimejamento excessivo. Um cão geralmente mantém o olho afetado fechado para ajudar a protegê-lo.
  • Distichiasis: os cílios crescem anormalmente na borda interna das pálpebras e irritam a córnea. Isso leva a inflamação e lacrimejamento excessivo.
  • Glaucoma: esta doença causa pressão no interior do olho e pode levar à cegueira se não for tratada. Os sintomas incluem lacrimejamento excessivo, corrimento amarelo e pupilas aumentadas que não respondem à luz.

E então, entendeu que os cães choram, mas de forma diferente dos humanos?

Depois dessas informações, é importante ficar de olho em qualquer sinal de lacrimejamento anormal e procurar um veterinário quando necessário.

Se você achou este post interessante, compartilhe com seus amigos nas redes sociais!