Skip to content

Conheça 3 bons vermífugos para cães em 2023

Melhores Vermífugos para cães

Quer uma dica de 3 bons vermífugos para cães em 2023? Veja este artigo!

Como todos os outros animais (incluindo humanos), os cães contraem vermes e outros parasitas de vez em quando. Se não forem controlados, esses parasitas podem levar a uma variedade de problemas de saúde, inclusive, a desenvolver quadros clínicos graves.

Felizmente, existem vários produtos disponíveis que ajudarão a combater esses parasitas – que chamamos de vermes. 

Neste texto, recomendaremos alguns que consideramos os melhores vermífugos para cães, além de serem considerados os mais completos. Mas primeiro, falaremos sobre os vermes, a utilização dos vermífugos e o quanto é importante manter seu dog longe deles.

Lembre-se de utilizar os tópicos de conteúdo abaixo caso deseje ler algum deles primeiro.

Índice

Por que os vermes são um problema?

Essa é uma pergunta séria? Quantas coisas você consegue pensar que são mais nojentas do que os vermes que vivem no corpo do seu animal de estimação? Realmente é algo nojeto.

Mas falando sério, vermes e outros parasitas podem causar uma série de problemas para o seu cão. A maioria das infestações de baixo nível causadas por eles produz apenas sintomas leves.

Entretanto, não leva muito tempo para que ocorra uma infestação e, se não for cuidada, pode se transformar em um problema que custe a vida do seu pet.

É por isso que se você quer ter um cão, deve estar ciente que vermifugá-lo é obrigatório. Quando você age preventivamente, evita dor de cabeça para você e seu animalzinho.

Voltando a falar nos vermes, infelizmente eles são muito comuns em cães. Inclusive, ao nascerem eles já contraem esses parasitas da mãe, seja no parto ou através da amamentação.

Para esses filhotes, isso pode ser um grande problema devido ao sistema imunológico frágil que eles têm. Por essa razão, é protocolo vermifugá-los já nos primeiros 15 a 30 dias.

Embora os filhotes sejam mais frágeis, os adultos também podem contrair verminoses. Por isso, a vermifugação deve ser constante.

Assim, os cachorros são geralmente tratados contra vermes várias vezes durante os primeiros seis a 12 meses de vida (tão frequentemente como a cada duas semanas em algumas áreas).

Enquanto isso, os adultos são tratados periodicamente (geralmente a cada três a seis meses, dependendo de vários fatores), ou sempre que houver suspeita ou confirmação de uma infestação. Além disso, os cães geralmente devem ser tratados para dirofilariose mensalmente. 

Quais são os sintomas das verminoses em cães?

Discutiremos alguns dos sintomas específicos que costumam estar associados a determinados parasitas mais tarde. Mas, por enquanto, vamos falar sobre como saber se seu cão tem vermes. 

Os sintomas mais comuns de uma infestação por vermes incluem:

  • Mudanças no apetite;
  • Nível de energia reduzido;
  • Diarreia e outros tipos de disfunção digestiva;
  • Náusea ou vômito;
  • Perda de peso;
  • Barriga inchada;
  • Ficar arrastando a extremidade traseira pelo chão;
  • Lambedura anal excessiva;
  • Má saúde da pelagem;
  • Coceira na pele;
  • Lesões visíveis ou áreas calvas;
  • Tosse.

Há também um sintoma excepcionalmente extraordinário que alguns proprietários observam: você pode observar uma pilha de minhocas no chão depois que seu cachorro faz cocô ou vomita. E antes que você pergunte, sim, os vermes ainda podem estar vivos.  

Existem vermífugos para cães naturais?

Alguns donos estão preocupados em dar medicamentos aos seus cães para tratar vermes, por isso estão ansiosos por procurar remédios “naturais”. Algumas das recomendações mais comuns incluem sementes de abóbora ou romã, alho e cenoura ralada.

Provavelmente não há nada de errado em alimentar seu cachorro com sementes de abóbora ou romã, e as cenouras são usadas em muitos alimentos para cães. 

O alho é um pouco duvidoso, mas provavelmente é seguro em doses muito pequenas e também é usado em alguns alimentos para cachorros. No entanto, usar esses itens em vez de vermífugos para cães genuínos não é uma boa ideia.

Em primeiro lugar, os vermífugos para cães mais comumente usados ​​foram exaustivamente testados e considerados seguros quando administrados na dosagem adequada.

Na verdade, alguns desses medicamentos (ou seus análogos próximos) são usados ​​para tratar humanos. O fenbendazol, por exemplo, tem um fator de segurança dez vezes maior, o que significa que você teria que dar ao seu cão mais de 10 vezes a dose prescrita antes de ver algum problema.

Em segundo lugar, há pouca evidência empírica que sugira que esses tratamentos naturais sejam eficazes. Pode até ser que alguma dessas receitam tenham alguma eficácia, mas é muito pouca se considerarmos os vermífugos para cães.

Quando você considera esses dois fatores e lembra que os vermes podem causar sérios problemas de saúde para seu cão (e também para sua família). Então, é melhor não confiar em remédios naturais não comprovados no que diz respeito a parasitas intestinais .

Vá em frente e alimente seu cachorro com cenouras ou sementes de abóbora de vez em quando, mas faça isso porque seu filhote vai achá-las deliciosas – não como uma forma de mantê-lo livre de vermes.  

Melhores vermífugos para cães

Quando você começar a procurar um bom vermífugo para o seu cão, certifique-se de selecionar um que trate as espécies que o infectam. Sendo assim, analise as opções a seguir com cuidado. 

Lembre-se de que o uso dos vermífugos para cães como prevenção é livre, ou seja, você não precisa de receita. Então, você pode escolher um dos que vamos apresentar, de acordo com as necessidades do seu pet.

Por exemplo, se seu cão tem um paladar notoriamente exigente, você pode optar por pequenos comprimidos (que podem ser escondidos na comida) em vez de mastigáveis. E por aí vai.

Agora, vamos apresentar os 5 melhores vermífugos para cães para você dar ao seu dog.

Endogard, da Virbac

Vermifugo Endogard 30 Kg 6 Comp + Brinde
4 Avaliações
Vermifugo Endogard 30 Kg 6 Comp + Brinde
  • Um brinde por pedido
  • brinde sortido conforme disponibilidade de estoque
  • Imagem ilustrativa

Clique em “Ver Preços” para pesquisar o Endogard adequado para seu cachorro.

O Endorgard é um vermífugo muito indicado por veterinários para o tratamento e prevenção de verminoses em cães. Ele é produzido pela Virbac e é um dos mais populares entre donos de cachorro.

O Endogard é um vermífugo completíssimo. Além de tratar e controlar as principais verminoses que podem acometer cães, também trata e previne a Giárdia. Sem contar, que também previne o verme do coração.

A duração do efeito do Endogard é de 15 a 21 dias para prevenção. Mas, caso esteja sendo utilizado no tratamento de verminoses, são necessárias repetições conforme a orientação do Veterinário.

Apesar de ser raro, o uso do Drontal pode causar indisposição gastrointestinal leve e transitórias em alguns cães. É importante ressaltar também que ele não deve ser administrado junto com piperazínicos.

E os prós e o contras do Endogard, quais são?

  • É bastante palatável;
  • Trata e previne a Giárdia;
  • Previne o Verme do Coração;
  • Possui sulco para dose correta;
  • É um produto seguro.
  • Alto custo.

Leia também: Endogard é bom? Conheça os prós e os contras

Drontal, da Bayer

OFERTA
Bayer Vermífugo Drontal Plus Sabor Carne Para Cães De Até 35Kg - 2 Comprimidos
  • Com excelente aceitação, possui sabor agradável ao paladar dos cães
  • Dispensa regime prévio ou jejum prévio para a administração
  • Elimina a giárdia presente no intestino do cão em três doses
  • Os adultos podem ser vermifugados a cada três meses

Clique em “Ver Preços” para pesquisar o Drontal de adequado para seu cachorro.

Produzido pela Bayer, o Dontral é um dos vermífugos para cães mais populares do mercado, assim como o Endogard. Ele tem como princípios ativos: Praziquantel, pamoato de pirantel e febantel.

Ele é bastante eficaz na proteção contra vermes redondos e chatos. Além disso, é também indicado no tratamento da Giárdia canina. Pode ser administrado em filhotes a partir de 2 semanas de idade e em qualquer estágio da vida do cachorro.

Apesar de ser raro, o uso do Drontal pode causar indisposição gastrointestinal leve e transitórias em alguns cães. É importante ressaltar também que ele não deve ser administrado em filhotes com menos de 1kg de peso.

Os prós e os contras do Drontal são:

  • Produto seguro;
  • Grande eficácia;
  • Fácil administração;
  • Vermífugo de amplo espectro.
  • Preço elevado.

Top Dog, da Ouro Fino

OFERTA
Ouro Fino Top Dog 30
1,780 Avaliações
Ouro Fino Top Dog 30
  • Vermífugo palatável à base de Praziquantel, Pamoato de Pirantel, Febantel e Ivermectina.
  • Indicado para o combate a vermes chatos e redondos e para o tratamento de giardíase em cães.
  • Marca do produto: Ouro Fino
  • País de origem do produto: BR

Clique em “Ver Preços” para pesquisar o Top Dog de adequado para seu cachorro.

Como vermífugo de amplo espectro, o Top Dog é outra opção presente no mercado bastante eficaz para o tratamento e prevenção de vermes em cães.

Com quatro princípios ativos presentes em sua fórmula – Pirantel, Praziquantel, Febantel e Ivermectina – o Top Dog combate vermes chatos e redondos e também a giárdia canina e o verme do coração.

A duração do efeito do Top Dog é de 3 meses. Ao administrar no cão, ele começa a agir de 4 a 6 horas. Entretanto, a bula não informa quando ele atinge sua eficácia máxima.

Esse medicamento não pode ser utilizado junto com produtos a base de Morantel, Levamisole e Piperazina. O motivo é que existe risco de intoxicação.

O Top Dog é indicado para cães e para filhotes com mais de 2 semanas de idade e cães adultos. Além disso, é contraindicada em gestantes e lactantes.

Dentre os prós e os contras, podemos citar:

  • Boa palatabilidade;
  • Produto de amplo espectro;
  • Tem rápida ação;
  • Trata a giárdia;
  • Previne o verme do coração.
  • Pode causar indisposição gastrointestinal leve e transitória.

Quantas vezes devo dar o vermífugo?

Você deve sempre tratar seu cão sempre que ele tiver vermes, mas muitos veterinários e proprietários também administram vermífugos em cães regularmente como método de prevenção.

Normalmente, isso significa desparasitar filhotes todos os meses até que atinjam os seis meses de idade. Esta sequência relativamente rápida de tratamentos é necessária para cachorros por três razões diferentes:

  1. Os filhotes não têm o sistema imunológico robusto dos cães adultos, o que não apenas significa que eles são infectados mais facilmente do que os adultos, mas também sofrem com os piores efeitos dos vermes.
  2. Os filhotes geralmente estão em contato próximo com o resto da ninhada, e também com a mãe. Isso aumenta as chances de um filhote parasitado infectar os outros.
  3. As mães frequentemente passam vermes para os filhotes através do leite materno.

Por outro lado, os adultos geralmente são vermifugados uma ou duas vezes por ano (para parasitas intestinais – os preventivos contra dirofilariose e vermes pulmonares são geralmente administrados mensalmente) ou sempre que houver suspeita de abrigar uma infestação. 

Além disso, os veterinários costumam dar vermífugos para cães que não vão ao veterinário há algum tempo, apenas para ajudar a eliminar qualquer infestação em potencial.

Como mencionado anteriormente, os medicamentos para dirofilariose são diferentes daqueles projetados para eliminar vermes intestinais. 

O veterinário explicará o esquema de dosagem adequado para o tratamento de dirofilariose do seu cão, mas a maioria deve ser administrada uma vez por mês.

O que acontece quando você dá vermífugos para cães?

Se você selecionar o vermífugo adequado e administrá-lo ao seu cão de maneira certa, os vermes geralmente morrerão e serão expelidos junto com o cocô do cachorro. 

Embora você possa não notar ancilostomídeos ou tricurídeos nas fezes do seu cão, as lombrigas são frequentemente óbvias. No entanto, os vermes nem sempre estão mortos quando saem.

Embora possa ser chocante ver uma massa viva de vermes se contorcendo saindo no cocô do seu dog, isso é normal. Esses vermes estão em processo de morte e não durarão muito tempo, essa é a boa notícia e compensa o quão desagradável é vê-los.   

Conclusão

Os vermes são muito comuns em cães e, embora haja uma série de medicamentos eficazes que ajudarão a tratá-los, você deve selecionar um que seja eficaz para os vermes que infectam seu cão. 

Apenas certifique-se de revisar as informações acima cuidadosamente e sempre mantenha o veterinário que acompanha seu cachorro informado ao tratá-lo contra vermes.

Os vermífugos para cães apresentados neste texto são completíssimos, ou seja, de amplo espectro. Com eles, você não só trata, mas previne uma ampla variedade de vermes, incluíndo a Giárdia e o verme do coração.

E então, você já experimentou algum dos vermífugos apresentados acima? Adoraríamos ouvir sobre suas experiências. Deixe-nos saber como eles funcionaram para você nos comentários abaixo.